21.1.14

Recomendo vivamente...

 

Há coisas que aparecem no nosso caminho vindas sem saber de onde e que fazem uma diferença  avassaladora assim que entram na nossa vida.
Foi o que aconteceu com o Workbook da Leonie Dawson. Estas folhas de papel com desenhos coloridos e uma apresentação bem feminina e inspiradora ajudaram-me a colocar as ideias em ordem. Não é fácil viver dentro de uma cabeça criativa. Chegamos a um ponto em que as ideias superam em clara maioria o tempo que temos para elas e por isso começam a ficar dispersas aqui e ali dando origem ao caos não tendo mesmo já consciencia da maioria delas e pior não conseguir defini-las e priorizá-las.

Chega uma altura na vida, normalmente quando sentimos que acabámos de realizar um sonho gigante,  precisamos escolher outro no meio das ideias todas que já flutuam na nossa cabeça e ficamos confusos com tanta informação adormecida. O que queremos realmente? Que passo dar agora? Qual o caminho que nos irá realizar? Sabemos que precisamos desesperadamente de um sonho gigante. Sabemos que será a realização desse sonho que nos levará de novo à felicidade plena nem que por alguns segundos como acontece no preciso momento em que o nosso/a filho/a nasce, nesse momento atingimos o topo da felicidade e no segundo seguinte começamos a descer outra vez quando perguntamos "está bem?" "é perfeita? " "é saudável?".
A busca do cume da montanha da Felicidade requer que no topo exista o tal sonho gigante que nos impulsione a subi-la.

Estas folhinhas de papel da Leonie ajudáram-me a colocar as roupas (leia-se ideias) nos cabides, a seleccionar o que já não uso, já não serve, não está na moda, fica mal... assim como a guardar no sotão as que estão fora de estação e ficar apenas as que servem o momento, o agora. Dessas escolher as que mais significado têm para mim e aí, por si só, aparece o tal sonho gigante.
Por isso recomendo vivamente, principalmente a mentes criativas. Deu-me imenso gozo desfolhar cada págida, enche-las de mais cor e principalmente enche-las de ideias, decisões e sonhos.

Sem comentários:

Enviar um comentário