2.9.17

momentos [quase] perfeitos




Em agosto as baterias recarregaram-se assim...
Por entre semanas difíceis de desespero e muita frustração apareciam os raios de luz dos fins-de-semana que me recordavam o quanto a vida é perfeita na sua teia cheia de imperfeições.

Por entre brincadeiras, gargalhadas, poses para a fotografia, cheiro a mar, paisagens restauradoras de alma, fui recriando a fé em mim, na minha força e persistência... Nesta teimosia que tenho dentro e que me faz continuar, quando a minha fonte de inspiração e motivação estão, afinal, no pulsar dos corações que em todos os finais de dia me abraçam e me segredam [no matter what] - I love you mommy
 




Sem comentários:

Enviar um comentário