23.4.16

Momentos [quase] perfeitos


Quando o sol aparece, mesmo com frio e com algumas nuvens, mesmo com trabalho para fazer e casa para limpar, é imperial sair porque amanhã pode ser tarde de mais... e estar a chover.
Não é preciso muito para ouvirmos a gargalhada, para vermos os olhos brilhar. Tão ocupados que andamos em comprar este e aquele brinquedo para se distrairem e tão fácil é passar uma hora no parque. Porque é que complicamos? Porque somos adultos.
Com elas a vida é muito mais difícil mas muito mais preciosa.




2 comentários: