24.6.15

maquilhagem para quem não usa


Há quem não saia de casa sem pintura, há quem não atenda o telemóvel sem maquilhagem e há quem não tenha paciência para essas coisas na corrida acelerada dos dias. Se é verdade que eu cada vez sindo mais a falta de uma base para esconder os pontos e manchinhas que apareceram depois da gravidez, também é verdade que não tenho qualquer gosto em tapar diáriamente os poros do rosto e nem mesmo paciência para gastar minutos em frente ao espelho a pôr e tirar tintas e pinceladas. Acredito igualmente que devo representar uma infima parte das mulheres mas tenho certeza que existe mais uma ou duas de vós com o mesmo problema e a mesma paciência (ou falta dela) do que eu e é mesmo por isso que hoje venho falar sobre maquilhagem para quem não usa ou não gosta de maquilhagem.

Uso maquilhagem essencialmente ao fim-de-semana e em ocasiões especiais. Se, por exemplo, sair apenas para um passeio no parque, ir até à praia ou numa situação descontraída normalmente não uso ou, o máximo que ponho é uma base para uniformizar a pele. Assim, estou bem longe de gastar mundos e fundos no tema e poucos são os produtos que tenho e realmente uso. Também não me prendo muito com marcas caras porque não me maquilho diáriamente, tento encontrar o produto adquado à minha pele dentro de um orçamento realista.
Produtos que para mim são essenciais são um creme hidratante antes de qualquer pinta de make up. Seguidamente uso uma base uniformizadora, o mais idêntico possível ao meu tom de pele, depois de o aplicar com os dedos ou com uma pequena esponja própria retiro o excesso com o lenço de papel. Aplico um pouco de blush nas maçãs do rosto para dar um ar saudável à minha cara de mãe cansada. Lápis preto na parte interior e inferior do olho que me dá um olhar um pouco mais expressivo por trás dos óculos. Se decido usar lentes de contacto, embora muitas vezes não me adapte muito bem, às vezes a ocasião merece uma máscara de pestanas, nada muito pomposo, uma máscara preta de volume já me dá um look mais elaborado - a vantagem de não se usar normalmente maquilhagem é que quando usamos, por pouca que seja, toda a gente nota. - Para finalizar passo batom do cieiro e depois aplico um lip gloss e com um lenço de papel volto a tirar o excesso. Tenho dois tons de lip gloss, um claro para o tom de crú/rosa claro/pêssego, outro num tom mais dramático/escuro, o tom ameixa é o meu preferido.
Tenho ainda alguns conjuntos de sombras mas sinceramente raramento uso. É preciso alguma prática e tempo para aplicar uma sombra na perfeição sem que pareça artificial e sem sentido, sem que nos dê um ar de boneca de porcelana, por isso cuidado, não usem só por usar, lembrem-se que "less is (always) more".

Na hora de ir para a cama um desmaquilhante é fundamental. O meu é da Nivea e dá para os olhos também, vende-se num supermercado e faz o que é esperado que é tirar todos os resíduos de makeup que sobreviveram à agitação do dia.
Mais importante que qualquer maquilhagem é um sorriso nos lábios e boa disposição, ninguém está para aturar mulheres chatas e sem sentido de humor por muito bem maquilhadas que estejam.

Sem comentários:

Enviar um comentário