2.2.15

Bom dia Fevereiro!



Passámos o fim-de-semana nos afazeres da vida mas ainda houve tempo para os amigos e para as gargalhadas das crianças. São os dias assim que nos fazem respirar um bocadinho mais devagar.
O mês de Fevereiro chegou! O nosso mês e o mês da Koalita Party. Vai estar preenchido de mil e um planos e muitas novidades. Os planos que vão aumentando a nossa lista de objectivos e de batalhas pelas quais vale a pena lutar. A vida não é fácil... mas vale muito a pena.

Janeiro passou. Já só nos restam 11 meses para escrevermos neste capitulo da nossa história. Foi um mês de preocupações estranhas. Começamos a mentalizar-nos que realmente já não temos 20 anos nem mesmo 30. O corpo muda assustadoramente e nós vamos procurando entender e aceitar a mudança. Foi o mês do carro novo e do desapego ao carro velho. À Clara só lhe faltam alguns dentes atrás. Começa a pôr de lado as roupas até aos 18 meses. Vai dizendo "bye" e mandando beijinhos. Adora sentar à mesa para comer connosco. Já partilha das brincadeiras da irmã fingindo comer do prato vazio que esta lhe põe à frente. A Laura está a ficar uma senhora. Sempre preocupada com a irmã e cheia de cuidados com ela. Não deixa de ser marota q.b., há coisas que nunca mudam. Já vai tentando escrever e fica toda orgulhosa dos seus desenhos e pinturas. As suas conquistas são anunciadas com um "I did it! I did it!". Põe a mesa (quase) na perfeição. Vai fazendo recados e pequenas tarefas com todo o orgulho e vontade de ajudar. Começa agora a ter as suas preferências no que diz respeito a filmes obrigando-nos a ver os mesmos vezes sem conta. Não é o "Frozen" é o "Let it go". 
Janeiro acabou frio e chuvoso, com alguns flocos de neve a mostrar a sua graça. Anseio secretamente pelos dias compridos e um pouco mais de calor para as levar aos baloiços e ao escorrega. Espero ansiosamente um fim-de-semana quente para ir visitar o meu saudoso mar. Mas ainda ontem chegou Fevereiro, o mês dos corações apaixonados.
Em Fevereiro apresentarei o website da KP. Vou contar o "segredo" de trabalhar em casa com as crianças por perto, vou falar de amizade neste mês dos amores e de tantas outras coisas que nos fazem a vida colorida. Hoje, neste seu segundo dia, vou dizer o que fiz às mil e uma clementinas, e não tangerinas, que me vieram parar às mãos... 

Sem comentários:

Enviar um comentário