13.3.14

Sobrevivendo...


Hoje tem sido daqueles dias non-stop. Bem... normalmente são-no mas hoje é mesmo daqueles que há que definir prioridades porque à partida só vai mesmo dar para fazer o que é vital para sobreviver ao dia.
Por isso sinto-me uma Super-mulher. Não uma Mulher super mas mesmo uma daquelas que tem poderes e tudo, sabem como é?!

Laura sem creche e conseguir dar conta da Clara e ainda manter o lava-loiça limpo toda a manhã já é coisa de heroina. Agora eu e elas sózinhas o dia inteiro é mesmo coisa para se festejar assim acabemos o dia vivas!
Estratégia: Limitar-me às tarefas básicas.
Logo de manhã, enquanto preparava o pequeno-almoço, arrumei a loiça da máquina que costumamos deixar a lavar durante a noite por questões económicas. Máquina vazia... tudo o que se for sujando já pode ser aqui arrumado em vez de ficar a criar monte no lava-loiça.
Não me preocupar muito com o desarrumado é fundamental e tentar criar actividades que canse a mais velha é o plano.
Passei então parte da manhã a dançar na Wii... fantástico porque ela começou toda entusiasmada mas depressa se cansou e quem ficou a dançar fui eu. Não é que não precise de um exerciciosinho mas para me cansar já bastava o dia que vai ser loooongo.
Mesmo assim consegui colocar uma máquina de roupa a lavar, o que me fez sentir victoriosa, mesmo que tenha só sido preciso programar e carregar no botão.
Chegámos ao meio do dia e eu estou cansada mas elas estão a dormir em paz e eu tenho este sentimento de missão cumprida porque consegui almoçar, já arrumei a loiça, lavei todos os biberons que estão agora a esterilizar e sentei-me (coisa preciosa num dia como o de hoje) com o meu cafésinho ao lado e o computador à frente. Este é o meu momento Zen!
Se quando chegar ao fim do dia, depois de muita fralda mudada, muito biberon dado e muita paciência, ainda conseguir ter um bolo de maçã feito e a roupa seca vou me sentir imbatível!

Sem comentários:

Enviar um comentário